Morre P. A., baterista da banda R.P.M

Comentários 0

Morreu neste sábado (22)o baterista da banda RPM, Paulo Antônio Pagni, o P.A., aos 61 anos. Ele estava internado, há mais de 20 dias, em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em Salto, interior de São Paulo. As informações são do UOL.

Em seus perfis oficiais nas redes sociais, a banda lamentou o ocorrido. A publicação informa que o baterista morreu em decorrência do agravamento de uma forte pneumonia que atingiu o músico. “Fomos pegos de surpresa e tomados pela tristeza quando soubemos de sua partida”, diz a nota, assinada pelos integrantes Fernando Deluqui, Luiz Schiavon e Dioy Pallone.

A banda está em Garopaba (SC), onde fará show com expectativa de público estimada em 20 mil pessoas. No texto divulgado, a banda avisa que fará o espetáculo em respeito à população e à Prefeitura do município, responsável pela contratação da grupo. 

A nota também informa que o sepultamento de P. A. acontecerá em Araçariguama, cidade do interior de São Paulo, junto aos pais do músico. 

Os comentários estão desativados.